Nosso Blog
Um lugar para os apaixonados por café.
Aqui você encontra a seleção dos melhores grãos do país. Conhece novas histórias emocionantes e seleciona pacotes de cafés especiais super frescos. Uma ponte direto do pequeno produtor até a sua xícara em apenas alguns cliques de distância.
O que é café especial ou gourmet?
O que é café especial ou gourmet?

O que é café especial ou gourmet?

O café especial segue uma classificação internacional com base na metodologia da SCAA ( Specialty Coffee Association), enquanto a classificação gourmet segue o protocolo brasileiro da ABIC (Associação Brasileira da Indústria do Café). Um café gourmet não é necessariamente especial, pois o protocolo da SCAA é muito mais exigente que o protocolo da ABIC
.


A final qual é diferença entre café especial e gourmet?                                                                                

                                         

Para responder esta pergunta de uma forma clara, precisamos olhar para nossa frutinha. O café é uma fruta como outras frutas, nosso cafezal é um grande pomar, olhando para o café desta forma vamos entender muito bem a questão da qualidade. Assim como outras frutas que não são agradaveis de se comer verdes ou podres, o café segue esta mesma regra, o melhor é o maduro.

O grão que usamos para moer e fazer nosso cafezinho é a semente desta fruta, que passa por um processo de torra para poder ser consumido da forma que conhecemos.

       
Onde entra a diferença de café especial é gourmet nessa história toda?

Pois bem meus amores, para o café ser especial, tem que ser 100% arábica, ele precisa seguir um protocolo bem criterioso. E para atender este protocolo os produtores devem cuidar muito bem de suas frutinhas, depois de colhida e processadas, as sementes ou grãos sequem para a avaliação.
A metodologia da SCAA ( Specialty Coffee Association) tem em seu protocolo a avaliação de atributos específicos.

Os critérios avaliados são: Fragrância/Aroma, Uniformidade, ausência de defeitos doçura, sabor, acidez, corpo, finalização, harmonia e avaliação final. Quando o café apresenta uma pontuação superior a 80 em uma escala de 0-100, consideramos ele especial. Para fazer esta avaliação existe um treinamento e calibração do avaliador segundo normas da SCAA.

Os cafés especiais se destacam por possuir aromas e sabores bem específicos, que nomeamos de notas sensórias. Para auxiliar na avaliação sensorial existe uma roda de sabores onde podemos encontrar descritivos das notas sensórias presentes nos cafés especiais.

Quando temos frutas verdes, podres ou outros defeitos, bem provável que o café não irá atender ao protocolo. Quase que para ser café especial necessariamente precisamos somente de frutas maduras.



                                                     


Café Gourmet é diferente de Café Especial?

Tecnicamente sim, quando o café não atende os protocolos da SCA não podemos classifica-lo como especial, mas isso não quer dizer que ele é gourmet.
Para um café ser considerado gourmet, precisamos atender um protocolo de qualidade da ABIC este protocolo é menos criterioso que os internacionais.

O protocolo aponta três categorias de qualidade: Tradicional, Superior e Gourmet.
O café tradicional apresenta muitos defeitos na matéria prima e pode ser uma mistura de café arábica e conilon, normalmente com torras bem queimadas para esconder os defeitos. O café superior ainda temos muitos defeitos porem com um pouco mais de qualidade.  

O café Gourmet apresenta mais qualidade porem ainda podemos encontrar alguns frutos verdes. Este tipo de café apresenta sabor e aroma mais agradável, necessariamente precisa ser 100% arábica.

Podemos encontrar muitos cafés gourmets com sabores e aromas incríveis, porem eles são considerados de qualidade inferior ao especial.  

Qual é diferença entre café especial e gourmet?

A principal diferença é a qualidade. A figura mostra de uma forma bem clara a diferença em relação a qualidade.